De acordo com o site The Tracking Board, Gus Van Sant irá dirigir a adaptação do mangá Death Note, substituindo o diretor Shane Black (Homem de Ferro 3), que estava envolvido no projeto desde 2011.

Van Sant é conhecido por filmes como Gênio Indomável e Milk: A Voz da Igualdade, dramas premiados que destoam um pouco da narrativa de Death Note. Ele também dirigiu uma refilmagem de Psicose de Hitckcock, que foi fracasso de crítica e público.

A entrada de Van Sant no projeto começaria um novo capítulo da saga da adaptação de Death Note em Hollywood que começou em 2009 quando a Warner Bros, distribuidora do live action japonês do mangá, adquiriu os direitos para uma versão americana do filme.

Inicialmente, a Warner propôs mudanças radicais na história, como tornar Light Yagami um personagem de moral impecável e excluir totalmente Ryuuku da trama. O projeto ficou parado até 2011, quando Shane Black foi confirmado como diretor e roteirista da adaptação e conseguiu convencer a Warner a manter as características originais da história.

A última versão do roteiro havia sido escrita por Black com dois roteiristas novatos, Anthony Bagarozzi e Charles Mondry e lançamento do filme está previsto para 2015.

death-note-live-action-japonês-poster
Pôster do live action japonês de 2006.

 

Siga Geekdama nas redes sociais!