Em uma entrevista recente ao site americano Collider, o roteirista Jeremy Slater (Quarteto Fantástico) comparou sua primeira versão do script da adaptação de Death Note para a Netflix com o filme Fogo Contra Fogo, de 1995.

Com direção de Michael Mann e nomes como Robert De Niro, Al Pacino e Val Kilmer no elenco, Fogo Contra Fogo é considerado um renomado filme policial que alcançou grande sucesso de público e crítica na época de seu lançamento.

É como o filme Fogo Contra Fogo, só que com adolescentes, e um deles tem super poderes. É muito mais sombrio, engraçado e muito mais empolgante do que acho que as pessoas estão esperando. Também estamos tentando ao máximo ser fiel à grande complexidade moral da obra original.

Slater escreveu as primeiras versões do roteiro, porém largou o projeto para se dedicar à versão para TV de O Exorcista, porém ele acredita que a produção usou boa parte de seu trabalho para a versão final do roteiro, assinada por Kyle Killen (roteirista das séries Lone Star, Awake e Mind Games). Slater está otimista com o resultado final.

Acho que será um filme bem especial, não só porque Adam Wingard é um diretor tão fabulosamente talentoso, mas acredito que encontramos uma abordagem muito legal e divertida para Death Note onde nos atemos ao que a história é.

Dirigido por Adam Wingard, que chegou recentemente comparou sua abordagem de Death Note à O Cavaleiro das Trevas, adaptação de Batman feita por Christopher Nolan, o filme estreará internacionalmente na Netflix em 2017.

Fonte: ANN, Collider

Siga Geekdama nas redes sociais!