One Piece acaba de ultrapassar a marca de 490 milhões de cópias em circulação em todo o mundo, sendo 400 milhões no Japão e 90 milhões cerca de outros 57 países e regiões pelo mundo.

Com isso, o mangá de Eiichiro Oda ultrapassa Batman, que atualmente possui cerca de 460 milhões de cópias em seus 82 anos de publicação, e agora ocupa o posto de segunda história em quadrinhos mais vendida da história, atrás somente de Superman (600 milhões de cópias).

Oda iniciou a serialização de One Piece na Weekly Shonen Jump em 19 de julho de 1997. O 57º volume teve uma primeira impressão de 3 milhões de cópias, um recorde da indústria japonesa, em março de 2010. O 67º volume teve uma primeira impressão de 4,05 milhões cópias, novo recorde da indústria, em agosto de 2012.

Em 2015, o mangá estabeleceu um Recorde Mundial do Guinness “o maior número de cópias publicadas da mesma série de quadrinhos por um único autor”.

Em abril de 2020, o mangá tinha 390 milhões de cópias em circulação no Japão e 80 milhões de cópias em mais 42 países e territórios, totalizando mais de 470 milhões de cópias em circulação.

Oda publicou o milésimo capítulo na edição em 4 de janeiro e o mangá atingiu 480 milhões de cópias em circulação em todo o mundo a partir do lançamento do 98º volume, no início de fevereiro.

Estas quantias não são estatísticas exatas de vendas, pois a metodologia estima somente as cópias em circulação, e não as vendidas.

Fonte ANN

Siga Geekdama - One Piece BRASIL nas redes sociais!