Teste

Por mais que The Walking Dead seja uma série focada em mostrar o drama de pessoas normais em um mundo pós-apocalíptico, os zumbis continuam presentes, desde o primeiro episódio.

Claro, atualmente a ameaça dos mortos-vivos é bem menor, pois todos que estão vivos até agora já sabem como lidar com eles. Afinal, os zumbis são muito previsíveis. Eles simplesmente se rastejam e tentam te comer. Nunca vai além disso.

Mas houve uma época em que as coisas eram ligeiramente diferentes. No começo de tudo, na 1ª temporada de The Walking Dead, vimos algumas amostras de inteligência nos zumbis.

O caso mais emblemático é o de Summer, a clássica menina zumbi que Rick abateu da introdução de The Walking Dead. Apesar de estar morta, ela abaixa para pegar um ursinho de pelúcia.

Ao longo da primeira temporada vimos outros casos semelhantes, como a esposa de Morgan zumbificada tentando abrir a maçaneta de casa, criando um momento bem angustiante.

Há também uma cena onde alguns zumbis usaram pedras para quebrar uma porta de vidro e os zumbis correndo atrás de Glenn e Rick, conseguindo inclusive pular uma cerca!

No entanto, essas amostras de “esperteza” dos mortos parou aí. A partir da segunda temporada o comportamento dos zumbis se consolidou da forma que conhecemos, de criaturas sem nenhum tipo de intelecto.

O que explica essa mudança nos zumbis de The Walking Dead?

Não há resposta oficial, e provavelmente nunca haverá, pois aparentemente isso foi simplesmente um recurso narrativo usado nos primeiros episódios de The Walking Dead para aumentar o impacto dramático.

A série de TV de The Walking Dead foi concebida por Frank Darabont, sendo uma grande aposta do diretor na época. Darabont provavelmente fez essas concessões para explorar melhor o aspecto aterrorizante dos mortos-vivos ao apresentar a série para o telespectador.

Frank Darabont, showrunner e idealizador da adaptação para a TV de The Walking Dead.

Com o enorme e imediato sucesso de The Walking Dead, a AMC dispensou Darabont ao final da 1ª temporada. Desde então vimos que os showrunners seguintes optaram por seguir à risca o comportamento dos zumbis que existe nos quadrinhos.

Leia mais:

Outras teorias para os zumbis inteligentes de The Walking Dead

Claro que dentro da história a explicação de “licença poética” não serve. Então há teorias de fãs tentando explicar esses comportamentos anormais dos zumbis.

Uma das teorias mais populares sugere que nos primeiros dias do apocalipse os mortos ainda estavam com as memórias recentes de suas vidas, por isso esboçavam alguns traços de inteligência.

Essa teoria, contudo, bate de frente com o fato de que personagens que morreram e viraram zumbis nas temporadas seguintes não demonstram essas características dos zumbis da 1ª temporada.

***

O que você acha? Consegue encontrar uma explicação para os “zumbis inteligentes” da 1ª temporada de The Walking Dead?

Quer receber as últimas notícias de The Walking Dead direto no seu Whatsapp?
> CLIQUE AQUI <

"We are surrounded by the dead. We're among them and when we finally give up, we become them! Don't you get it? WE ARE THE WALKING DEAD!"
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.