Lauren Cohan é familiar para muitos como Rose de The Vampire Diaries, Vivian de Chuck ou mesmo Bela de Supernatural, mas os fãs do gênero talvez a conheçam melhor como Maggie Greene de The Walking Dead, a qual atualmente tem chocado e entretido o público nas noites de exibição.

Na temporada passada nós vimos Maggie desenvolver um relacionamento com Glen (Steven Yeun), enfrentar seu pai Hershel (Scott Wilson) e ser uma dos poucos a escapar do massacre na fazenda do Hershel. Nessa temporada Maggie estava na vanguarda que invadiu a prisão abandonada com Rick e ajudou a cuidar de seu pai que estava de volta da beira da morte. No episódio profundamente emocionante da semana passada, “Killer Within”, Maggie foi forçada a ajudar Lori (Sarah Wayne Callies) dar à luz por cesariana de emergência – um procedimento que finalmente matou Lori. No mesmo episódio viu a morte do durão com coração de ouro, T-Dog (Irone Singleton) e Rick à beira de um grave colapso.

Nessa conversa com Lauren foi possível discutir como a reviravolta dos acontecimentos desse episódio irá moldar a próxima temporada, como o bebê de Lori irá mudar o grupo pra sempre, mais mortes significativas por vir e uma mudança “monumental” na relação entre Maggie e Glen.

Screen Spy: Os fãs da série têm realmente ficado agitados com as mortes de Lori e T-Dog essa semana. Estou certo em dizer que você filmou esse episódio “Killer Within” em junho? Quão difícil tem sido participar desse desenvolvimento da história e não contar às pessoas?

Lauren Cohan: Sim, antes da temporada ser filmada, nós realmente não fomos autorizados a dar spoiler de qualquer tipo. Isso foi tão difícil, porque nós estávamos fazendo convenções e entrevistas e não podíamos dizer nada além de que estávamos em uma prisão e com zumbis lá! (risos) Foi interessante para Sarah Wayne Callies (interpreta Lori) e Irone Singleton (interpreta T-Dog) também, porque não podiam anunciar se eles estavam fazendo outro trabalho. Foi um episódio tão louco, louco para gravar, e dizer adeus a duas imensas rochas do show que estiveram lá desde o começo foi muito difícil. Vocês podem imaginar como todos nós nos sentimos. Acho que a situação fala por si.

Screen Spy: Você ficou surpresa com a decisão de matá-los?

Lauren Cohan: Sim. Eu sei que a Lori foi morta nos quadrinhos, então eu acho que para a Sarah havia alguma expectativa disso. Mas você nunca está realmente preparado para isso. Você se torna tão próximo que você apenas não quer dizer adeus às pessoas. Esses episódios estão informando muito sobre o enredo dessa temporada. Nós entendemos que tudo isso está acontecendo por um motivo, mas isso não torna as coisas mais fáceis. Eu sei que foi muito difícil para os fãs também.

Screen Spy: Maggie estava no centro dos eventos durante a morte de Lori e o nascimento do seu bebê, e com Rick entrando em colapso  e Carol desaparecida, Maggie vai literalmente ficar segurando o bebê?

Lauren Cohan: Há realmente algumas reviravoltas interessantes que surgem sobre isso. Eu não vou dar spoiler para você, mas eu vou dizer que Maggie é muito valiosa no campo. Ela mantém o papel de guerreira. É isso que eu gosto nela. Você vê esse lado dela, e então você a vê em seu relacionamento com Glen, com toda sua vulnerabilidade também. É o que a faz muito divertida de interpretar. Em um mundo normal, sim, acho que a Maggie se tornaria a cuidadora principal do bebê, mas não temos mais esses papéis certos. O que nós vemos acontecer com o bebê e como isso mudará todo mundo vai ser ótimo. Será realmente surpreendente.

Screen Spy: Será que a Maggie atiraria em Lori?

Lauren Cohan: Ótima pergunta! Eu tenho pensado nisso e ainda não decidi. Eu sei que no momento era muito urgente sair daquela sala. Maggie vê um flash no rosto de Carl que diz para ela que ele deveria ser a pessoa a fazer isso. É uma daquelas decisões feitas em um piscar de olhos e que você sempre vai sentir culpa. Ambas as decisões – deixar Carl tirar a vida dela e essencialmente matá-la tirando seu bebê – isso pra mim é sobre o que é essa série. Você não tem tempo. Você simplesmente tem que decidir – para o melhor ou para o pior. (risos) Oh, Deus, só de pensar nisso tudo me espanta agora!

Screen Spy: Maggie perdeu tanto, mas ainda tem seu núcleo familiar em Hershel e Beth, e seu relacionamento com Glen. Você acha que ela tem mantido mais sua humanidade do que os outros do grupo? Ou nós vamos vê-la perder em algum ponto ao longo da estrada nessa temporada?

 Lauren Cohan: Fico feliz em dizer que a Maggie permanece presente em tudo isso. Vemos tanta coisa louca se desenrolando nessa temporada e Maggie é como uma rocha que permanece firme, tanto para o grupo, mas para Glen especialmente. Maggie perdeu muito. Ela perdeu sua mãe e seu irmão, mas ela ganhou um amor em tudo isso também.

Screen Spy: Maggie não morre nos quadrinhos. Isso te dá alguma sensação de segurança, ou não há coisa desse tipo em uma série como The Walking Dead?

Lauren Cohan: Na verdade não há, pra ser honesta com você. Nós nos desviamos dos quadrinhos. Eu já passei pelo processo de imaginar que isso poderia acontecer e se acontecesse, como eu iria me sentir, mas então eu simplesmente voltei a permanecer no presente porque eu não posso controlar isso. Eu não posso antecipar e se eu gastar minha energia nisso eu não vou fazer um bom trabalho. Não importa por quanto tempo estarei na série. Só quero viver essa personagem tão plenamente quanto eu puder. Eu posso dizer honestamente que, na verdade, eu só quero fazer jus a qualquer momento que eu tenha.

 Screen Spy: Nós veremos mais mortes significativas nessa temporada?

Lauren Cohan: Há muito mais surpresas pela frente – e não só mortes – mas sim, haverá morte significativa sim. É tudo o que eu posso dizer sobre isso. Mas você verá muita vida também.

Screen Spy: As circunstâncias nas quais Lori morreu muda alguma coisa entre Glen e Maggie tanto quanto em sua relação?

Lauren Cohan: É engraçado, porque no início desse episódio Glen e Maggie estavam envolvidos na leveza e frivolidade do sexo, e depois o pior cenário acontece – um bebê nasce e literalmente tira a vida de alguém. É outro que me encontro ruminando. E de alguma maneira eu amo essas questões não respondidas porque isso é o que ela está vivendo. Eu posso te dizer que mesmo assim as coisas se tornam mais preciosas para Maggie. Você verá uma grande mudança entre Maggie e Glen. Não é algo que possa ser apontado como tendo acontecido devido a morte da Lori especificamente, ou a chegada do bebê, ou até mesmo a morte de T-Dog, mas mudanças monumentais acontecerão nessa temporada.

Screen Spy: Qual a sua principal dica para sobreviver ao Apocalipse Zumbi?

Lauren Cohan: Esperar. Encontrar um bom grupo e esperar. Torça pela cura e transcedência. Na verdade a cura pode revelar um arenque (tipo de peixe) vermelho. (risos) Essa é uma resposta sorrateira!

Fonte: Screen Spy

Siga Geekdama nas redes sociais!