The Walking Dead é a série mais vista da TV, quebrando seus próprios recordes a cada nova temporada.

Obviamente para alcançar esse nível, a série tem seus bons momentos. Muitos bons momentos, por sinal. Confira a seguir uma lista com os 10 melhores momentos do 1º episódio da 1ª temporada de The Walking dead: Days Gone Bye.

OBS: Esta lista está em ordem cronológica, não de preferência.

1 – O primeiro zumbi é… uma menina!

the-walking-dead-s01e01-top10-01

Começar uma nova série, uma nova história, é sempre um desafio. A audiência que está investindo seu tempo assistindo espera ver algo interessante logo nos primeiros momentos, caso contrário irá simplesmente trocar de canal.

E eis o primeiro acerto de Darabont ao conceber The Walking Dead para a TV. Ao invés de adaptar começar com o primeiro evento, antes do apocalipse, o espectador é apresentado a um flashforward, ou seja, um avanço na história, para maximizar o impacto.

Somos apresentado ao protagonista Rick Grimes, que aparece já a caminho de Atlanta, parando em um posto para abastecer. Tudo normal, até aparecer o primeiro morto-vivo da série: Summer, uma pequena garotinha, com seu ursinho de pelúcia, que é imediatamente baleada por Rick. Uma criança zumbi levando um tiro na cabeça logo na introdução? Melhor começo possível!

2 – Rick é baleado

the-walking-dead-s01e01-top10-02

Após a abertura, a história volta para algum momento pré-apocalipse (valeria uma nota indicando isso, já que até hoje muitos se confundem com o flashforward da introdução).

Conhecemos melhor Rick e seu parceiro Shane Walsh, dois policiais de uma cidade do interior, conversando casualmente sobre mulheres e o relacionamento de Rick com sua esposa Lori.

Um chamado de perseguição interrompe o papo e logo começa uma troca de tiros, onde Rick é acaba sendo baleado e entra em coma. Nada como o protagonista sendo gravemente ferido nos primeiros minutos da série para criar aquela sensação de que ninguém está a salvo.

3 – O despertar em um novo mundo

the-walking-dead-s01e01-top10-03

O coma de Rick o separa entre dois mundos. O da civilização e um mundo onde toda a sociedade moderna foi destruída. Não há mais governos, não há mais estruturas, não há mais paz. E a causa disso: os mortos voltaram à vida.

As cenas chocantes do hospital evidenciam esse contraste entre as duas realidades. Prédio totalmente destruído, sangue na parede, cadáveres no meio do corredor e a famosa porta com a frase: “NÃO ABRA, HÁ MORTOS DENTRO”. O ator que interpreta Rick, Andrew Lincoln, externa muito bem todo o choque e a desorientação do momento.

Curiosidade: No universo de The Walking Dead, nunca existiu a ideia de mortos voltando a vida. Tanto na versão original eles nunca os chamam de “zumbis”, mas de “walkers”.

Veja mais: Descubra quem trancou os mortos na cafeteria do hospital e escreveu a frase de aviso na porta na terceira série de Webisodes: The Oath.

4 – A zumbi da bicicleta

the-walking-dead-s01e01-top10-04

Se o hospital parecia aterrorizante, o mundo lá fora acabou se mostrando muito pior. Pilhas de corpos ao lado do prédio, equipamento militar abandonado, mais destruição e o mais perturbador: ninguém à vista!

Pelo menos até Rick encontrar uma bicicleta caída ao lado de meio cadáver… que se mexe! Eis o primeiro contato direto de Rick com um zumbi.

Veja mais: Conheça a história de Hannah, e veja como ela se transformou na zumbi da bicicleta na primeira série de Webisodes: Torn Apart.

5 – Morgan e Duane

the-walking-dead-s01e01-top10-05

Rick tem um objetivo bem claro desde o começo: proteger sua família. Mas antes ele precisa encontrar a esposa e o filho, que obviamente não estão em casa.

Perdido e em negação, Rick tem seu primeiro encontro com… uma pá! E com gente viva também, Morgan Jones e seu filho Duane.

6 – Ensinando a viver neste novo mundo

the-walking-dead-s01e01-top10-06

Após ser resgatado/capturado pela família Jones, Rick passa a entender melhor o que está acontecendo. O que são os mortos-vivos, onde eles vivem, o que eles comem (principalmente) e como a mordida te infecta. São as primeiras informações que o protagonista e os espectadores recebem sobre o que aconteceu com o mundo.

7 – A senhora Jones

the-walking-dead-s01e01-top10-07

Para aumentar as preocupações familiares de Rick, ficamos sabendo que um dos zumbis na rua é a finada esposa de Morgan, que ele não foi capaz de finalizar. São mais momentos de reflexões. Afinal, atirar em desconhecidos é uma coisa. Mas como fazer isso com alguém que você ama? Mesmo se essa pessoa estiver tentando te devorar.

8 – O acampamento de Atlanta

the-walking-dead-s01e01-top10-08

Enquanto isso, Rick e Morgan se separam, com a promessa que se encontrarão futuramente. Eis a primeira ponta solta da série, logo no primeiro episódio. Rick pega um carro e se dirige para a cidade grande mais próxima, Atlanta, onde ele tem esperanças de encontrar um pouco de civilização.

Rick tenta falar no rádio e quase consegue se comunicar com outro grupo de sobreviventes, que estão sendo liderados por… Shane! Que por sinal está com a esposa e filho de Rick. Que sorte, não?

9 – A cidade dos condenados

the-walking-dead-s01e01-top10-09

Entrando a cavalo na cidade, Rick já deveria ter percebido que algo estava errado ao ver a diferença entre as duas vias. A que entrava, vazia. E a que saia, lotada de carros abandonados.

Mais duas pontas soltas foram adicionadas aqui: O helicóptero que Rick avistou, que retornaria na 3ª temporada, e a imensa horda de zumbis, que têm papel importante no final da 2ª temporada.

10 – Cercado!

the-walking-dead-s01e01-top10-10

Entrar em uma cidade apocalíptica é uma péssima ideia. Rick ganhou alguns segundos vitais enquanto o cavalo era devorado, mas foi rapidamente cercado debaixo do tanque.

Lição aprendida: Em um apocalipse zumbi não se esqueça de sempre guardar uma última bala… para usar em você mesmo.

Dentro do tanque havia uma outra ponta solta que infelizmente nunca será reatada: a história do zumbi do tanque, que Darabont não pôde contar.

Quais as suas impressões deste episódio?

O que você achou deste episódio? Comente conosco abaixo!

Siga Geekdama nas redes sociais!