A morte de Glenn, interpretado por Steven Yeun, no episódio de estreia da 7ª temporada de The Walking Dead foi certamente um dos momentos mais marcantes da série.

Mas apesar da brutalidade dos últimos momentos de vida de seu personagem, o ator revelou em entrevista à W Magazine que estava ansioso para gravar a cena.

Eu sabia dessa morte já fazia algum tempo e, para ser bem sincero com vocês, eu estava ansioso por aquele dia. Eu estava animado para ter meu crânio esmagado.

Todos fantasiam sobre como seria ter uma morte legal, não é mesmo?

Diferente de outros personagens de The Walking Dead, cujas mortes não foram as mesmas de suas versões nas HQs de Robert Kirkman, a despedida de Glenn foi fiel à histórica 100ª edição dos quadrinhos, onde o marido de Maggie foi golpeado com um taco de baseball coberto de arrame-farpado, carinhosamente apelidado de “Lucille”, pelo recém-chegado vilão Negan.

Embora o episódio tenha sido acusado de retratar violência excessiva nas mortes de Glenn e Abraham, Yeun defendeu a série durante uma convenção, salientando como a cena foi importante para o desenvolvimento dos personagens em relação à opressão dos Salvadores.

Desde que saiu de The Walking Dead, Yeun trabalhou em diversos projetos. Ele foi indicado na categoria de Melhor Ator Coadjuvante na Los Angeles Film Critics Association e Toronto Film Critics Association por sua atuação no filme sul-coreano  Burning, além de continuar dublando o personagem Keith na animação Voltron e ter sido confirmado no elenco da refilmagem de Além da Imaginação.

Confira também:

Fonte CB

Siga Geekdama nas redes sociais!